Spiga

E o cabeçudo voltou


Dólares: Zidane acerta com time da Califórnia por um ano

Quando todos pensavam que aquela cabeçada em Materazzi na final da Copa da Alemanha seria a última atitude surpreendente de Zinedine Zidane se enganou. O ex-meia do Real Madri acertou neste sábado seu retorno aos gramados para defender o Los Angeles Galaxy, atual time de Davis Beckham.

A notícia vazou no diário alemão "Bild", um dos mais vendidos no mundo. Os valores da negociação não foram divulgados mas são números absurdos, fora da realidade do futebol mundial, segundo amigos do meia francês.

O contrato com o time da Califórnia teria duração de apenas um ano. Outro aliado na ida de Zidane aos EUA é a empresa de material esportivo Adidas . Zidane não joga uma partida oficial desde a final da Coipa contra a Itália. O crquae atou apenas em jogos comemorativos, entre eles um dos Amigos de Ronaldo.

Onze, Doze, Dozes, vinte e três

Já dizia a máxima: tem 3 tipos de pessoas, as que sabem e as que não sabem fazer contas. Meira, zagueiro do Figueira dos anos 80, respondeu bem empolgado à imprensa nos dias preparativos de um jogo importante:

_ E aí Meira, vai sair de titular no próximo jogo?
_ Com certeza, sou eu e mais onze!!

Roberto Alves não perdoou, em estúdio:
_ Bomba, Figueirense vai entrar com doze jogadores em campo domingo!

Seguindo a mesma linha, Delfim Peixoto, o eterno presidente da FCF, foi questionado por uma rádio local de Brusque sobre a preferência pelos clubes grandes:
_ Delfim, dizem que a FCF vem favorecendo somente os grandes clubes de SC...
Irritado, rebateu:
_ De forma alguma! Qualquer um dos DOZES CLUBES que disputam o título podem ser CAMPEÃO! Em homenagem, uma foto com dozes delfins. Ele é o mesmo que achou surpreendível quando encontraram uma irregularidade nas finanças da entidade...

Notícia incrível

A matéria abaixo não era para ser nada de anormal, porém estamos falando do baixinho. Veja o título da "manchete" do Terra Esportes.

Romário aparece em treino do Vasco

Nesta sexta-feira, o atacante Romário apareceu no treinamento do Vasco, em São Januário, e se dedicou bastante às atividades.
A proximidade do camisa 11 em marcar o seu gol mil, segundo as contas do próprio jogador, vem atraindo visitas ilustres.Hoje, o ex-atacante e grande ídolo da história do Atlético-MG, Reinaldo, esteve em São Januário. O ex-jogador apresenta um programa esportivo em Belo Horizonte e seu objetivo era uma entrevista com Romário.

Árbitro vai parar jogo caso Romário marque gol mil

Sorteado para apitar o clássico entre Botafogo e Vasco, domingo, no Maracanã, pela Taça Rio, o árbitro Wagner dos Santos Rosa afirmou que a partida será interrompida caso Romário marque seu milésimo gol na carreira. Ele será auxiliado por Marcos Tadeu Peniche Nunes e Sérgio de Oliveira Santos. "Claro que para mim será uma honra participar de um jogo em que pode sair o milésimo gol do Romário. É um fato histórico que vai ficar na memória de todos, e, caso seja necessário parar a partida, ela vai ser paralisada e depois reiniciada. Temos que ter bom senso", garantiu o juiz em entrevista à Rádio Bandeirantes.

No último jogo de Romário com Wagner dos Santos Rosa como árbitro, o atacante marcou três gols na goleada por 6 a 2 sobre o Boavista.

Lancepress!

Pobretão


O brasileiro Ronaldinho desbancou o inglês David Beckham como o jogador de futebol melhor remunerado em 2006, segundo a análise anual da revista Forbes publicada nesta sexta-feira.

O jogador do Barcelona recebeu 23,5 milhões de euros no ano passado, 300 mil a mais que Beckham, que pode recuperar a primeira posição na lista do próximo ano graças à transferência para o Los Angeles Galaxy, dos EUA.

No que diz respeito aos clubes, o Real Madrid foi o que mais faturou em 2006, com 281 milhões de euros, seguido por Barcelona (248,4 milhões de euros), Juventus (241) e Manchester United (232).

No entanto, entre os 25 clubes mais ricos do planeta, o Manchester United é o líder (1,09 bilhão de euros), à frente de Real (778 milhões) e Arsenal (687).

A lista tem 10 clubes ingleses, quatro italianos, quatro alemães, dois espanhóis, dois franceses, dois escoceses e um holandês.

Terra

E o Perí Lima fez um gol!


Paraibano: Jogador de 58 anos faz gol e entra para história

Campina Grande, PB, 28 (AFI) - A utopia do atleta Pedro Ribeiro Lima, o Perí (foto), considerado o atleta profissional mais velho em atividade no mundo em busca do primeiro gol de sua carreira como jogador profissional finalmente se concretizou, na partida realizada nesta quarta-feira 28, pela segunda rodada do returno do Campeonato Paraibano de Futebol, no confronto que apesar da derrota do seu clube, tornou-se histórico para a Desportiva Perilima.

O atleta de 58 anos, é proprietário de uma fabrica alimentícia que tem como principal iguaria a produção de Sordas. Pedro Ribeiro profissionalizou-se em 1998 para as disputas do Campeonato Paraibano da Série B daquele ano, e ao longo de quase dez anos, atuando pelo clube jamais conseguiu marcar um gol numa competição oficial. Na partida diante do Campinense Clube, o atleta finalmente "desencantou" e emocionado conseguiu balança as redes do goleiro Jailson do rubro-negro.

O atleta de futebol mais velho em atividade, comemorou o tento ao lado de seus atletas e não conseguiu esconder a satisfação de alcançar seu feito. Pedro Ribeiro tornou-se destaque na mídia não somente pela idade, mas também pela contradição com o atacante Romário ídolo do futebol mundial e que luta pela concretização do seu milésimo gol.

O Gol de Perí ocorreu aos 35 minutos, após uma jogada individual de Nego Pai na área rubro-negra. O atleta da Perilima acabou derrubado e o árbitro Laurismar Alves acabou marcando penalidade máxima. A cobrança ficaria a cargo do atacante Edmar, porém praticamente todos os torcedores no Estádio Ernani Sátiro pediram para Pedro cobrar.

Mesmo aparentando estar nervoso, o veterano não perdoou, e concluiu com precisão nenhuma chance de defesa para o goleiro do Campinense que ainda tentou evitar o feito. O gol marcado por Pedro Ribeiro arrancou aplausos calorosos dos torcedores dos dois clubes que gritaram seu nome no estádio.

Ribeiro tentou conter as lágrimas e mesmo sem ter o mesmo assédio
significante, dado pela impressa brasileira quanto à expectativa do milésimo gol de Romário. Correu feito uma criança em busca do assédio de amigos e atletas.

A Perilima é atualmente considerado o pior clube de futebol entre as equipes profissionais que disputam os campeonatos estaduais do Brasil .

Papo de Flanelinha


Andando em direção ao estádio, vejo a abordagem de um flanelinha em um carro chegando:
_ Ei tio, ei tio, uma vaguinha aqui!!
O motorista, sem muita paciência, respondeu e seguiu adiante:
_ Sou conselheiro.
O flanela, todo perdido, sem entender nada, foi perguntar pra outro colega flanela:
_ Conselheiro? Conselheiro ? Que que é isso, porra ?

Animal Brigando?


Atacante não gostou de ser cobrado sobre seu posicionamento e ofendeu Wendel

SÃO PAULO - O clima no Palmeiras esquentou na manhã desta quarta-feira. Durante rachão no Centro de Treinamento da Barra Funda, o atacante Edmundo bateu boca com o lateral e volante Wendel, o que fez com que o técnico Caio Júnior encerrasse os trabalhos antes do previsto.

Os dois discutiram sobre posicionamento. Wendel reclamou que Edmundo estava parado no gramado. O "Animal", por sua vez, retrucou com um palavrão e ofensas à mãe do lateral. A turma do deixa disso teve de entrar em ação para separar os brigões.

A contragosto, Edmundo foi levado para o vestiário pelo auxiliar técnico Júlio César Camargo. Mesmo assim, ele deve viajar com a delegação palmeirense na noite desta quarta para São José do Rio Preto, onde na próxima quinta o clube encara o América, pela 16.ª rodada do Paulistão.

"Não teve nada de mais. Quando o Edmundo perde o rachão, ele tem dificuldades para aceitar a derrota", explicou o técnico Caio Júnior, que conversou em separado com o atacante. "A conversa foi sobre o jogo e não sobre a briga. O ambiente no time é bom e nada vai mudar isso."

Por sua vez, Wendel disse que se acertou com Edmundo nos vestiários. "Ele é uma boa pessoa. Tudo o que aconteceu é normal. Conversamos e ficou tudo resolvido", contou. "O Edmundo tem o temperamento forte e a gente tem de respeitar, além disso, ele é o capitão do time."

Estadão

Fim de Carreira na Camaradagem

O meia-atacante Giovanni, que defendeu o Santos, é a mais nova contratação do Sport. O anúncio foi feito no inicio da tarde desta terça-feira, pelo presidente do clube, Homero Lacerda. Segundo Lacerda, o Sport jamais teria condições de pagar o salário do jogador, porém o treinador do time, Alexandre Gallo, é amigo de Giovanni e facilitou a contratação.

Os dois se conheceram no Santos, no inicio da década de 90 e acabaram se tornando vice-campeões do Campeonato Brasileiro de 1995. Na ocasião, o Botafogo levou a taça. Outro fato curioso na carreira do atleta aconteceu na partida remarcada entre Santos e Corinthians. Por causa dos escândalos das arbitragens, o jogo que o time da baixada tinha vencido foi anulado. Na ocasião, quando o Santos empatava por 1 a 1 e levou o segundo gol, o jogador deu um bico na bola, foi a julgamento e acabou pegando um gancho por causa da atitude.

Atualmente, Giovanni estava administrando uma escola, de sua propriedade, no Estado do Pará, onde nasceu. Seu último clube foi o Al Hilal da Arábia Saudita e foi contratado para ajudar o Sport na dispusta da Copa do Brasil e Campeonato Brasileiro.

Futebol Interior

Uniformes coloridos


As cores já chamam um pouco a atenção: vermelho, verde e amarelo, todos em tons berrantes. Mas o uniforme do Brusque FC tem mais. Meu amigo Alexandre, do blog Coluna Extra, me alertou para o fato dos uniformes terem patrocínios exclusivos por jogador. Cada camisa tinha o seu diferente. Será que cada empresa paga o seu jogador específico? E se o cara enterrar o time, a torcida boicotará a empresa e comprará do concorrente ? Percebam nas fotos.
No site do Brusque FC, para comprovar, há uma área com os patrocinadores de uniforme, que reproduzo (de graça! :) ) aqui abaixo.
Essas empresas bem que podiam fazer uma vaquinha pra instalar uma arquibancada decente, não acham?

O Poderoso Chefão


Dirigente dá uma de técnico e veta Romário contra Americano

Maracanã será o palco do milésimo gol de Romário. Pelo menos é o que todos querem, inclusive o presidente vascaíno Eurico Miranda, que em entrevista ao programa Redação Sportv, realizada nesta segunda-feira, disse que o baixinho não enfrentará o Americano, na próxima quarta-feira no Estádio São Januário.

"Se eu quisesse, ele jogaria. Mas como não quero, ele não vai jogar" disse de forma rápida e simplificada o dirigente, que quer ver o gol mil no Maracanã e não pensa em transferir o jogo para o estádio municipal, mesmo por que há uma partida agendada para às 20h30, entre Volta Redonda e Botafogo

Caso o treinador Renato Gaúcho confirme o veto, o gol mil fica agendado para domingo, no clássico diante do Fogão. O Vasco é o líder do Grupo B do Campeonato Carioca , com nove pontos ganhos e 100% de aproveitamento.

Futebol Interior

A praia é feia?

A derrota para o Madureira trouxe à tona uma situação insustentável. Hoje, na reapresentação do elenco, o coordenador geral Branco e o técnico Joel Santana devem anunciar algumas mudanças no planejamento e possivelmente algumas dispensas. A demissão de Renato Silva por uso de maconha influenciou o rendimento do time, que estava visivelmente fora de sintonia com a partida.


Sabendo que no clube os treinadores normalmente não têm vida longa, Joel Santana, com sua habitual honestidade, já prevê um futuro sombrio caso a postura dos atletas não seja modificada.
Após mais uma derrota no Carioca, o treinador, pela primeira vez desde que chegou ao clube, mostrou irritação e criticou asperamente os jogadores, que só não perderam por um placar mais elástico graças ao bom rendimento do goleiro Fernando Henrique. Joel ironizou a atuação de seus comandados e deixou claro que cabeças irão rolar.

Um dos que devem ter sua situação no elenco tricolor repensada é o apoiador Cícero, que esteve irreconhecível contra o Madureira e foi substituído ainda no intervalo. O atacante Soares, que também veio do Figueirense, também está na berlinda. Segundo Joel, a desculpa da adaptação não pode ser repetida depois de três meses no clube.

Jogar no Fluminense é bem diferente de jogar no Figueirense. Já passou da hora de se adaptar. O cara que não está adaptado no Rio de Janeiro não conseguiria se sentir bem em nenhum lugar do mundo. E todos eles moram na Barra da Tijuca. Lá é ruim? A praia é feia? Não entendo. Aqui não tem mais criança”, disse.

Há pouco mais de um mês no comando do Tricolor, Joel admitiu que está decepcionado com a postura de seus atletas. Segundo ele, chegou a hora de repensar e deixou claro que a conversa que terá com os jogadores não será nada amigável.

Jornal dos Sports

Turismo do folclore da bola


Hoje resolvi ir assistir, pela primeira vez na vida, o meu Avaí fora da grande Florianópolis.
Minha única experiência nesse sentido foi ver uma vez em Palhoça uma pelada contra o Guarani. Por um caminho alternativo, cheguei a Brusque.

A cidade estava respirando o clima da partida, já no almoço desfrutei uma fraldinha com cerveja (em dia de viagem sou "chique", nada de espetinhos) e no restaurante os garçons provocavam os cronistas da rádio Guarujá, entre eles o Rui Guimarães. Aqui vai uma rapidinha dele: enquanto treinava o Avaí (anos 80), apareceu na Ressacada com um óculos de sol tão grande que pensavam ser uma fantasia de carnaval. Um número gigante 8 deitado, de deixar esses óculos "fashion"de hoje no chinelo. Dizem que ele também, quando voltou a Minas (terra de origem - onde treinou o Cruzeiro), levou vts de programas esportivos daqui (em especial os bate bocas Miguel x Roberto) , pois quando contava lá ninguém acreditava.

Bom, entrando no estádio, muito acanhado por sinal, já senti o drama: um torcedor muito forte, com cara de mau, pulava girando, ensandecido, girando a camiseta: _ Caralho, hoje eu vou incomodar, caralho!!

As arquibancadas de madeira com estrutura metálica, muito precárias, deram um toque trash, mas quase trágico: na hora do gol, o parapeito caiu (na hora do gol), deixando vários feridos (eu quase fui nessa).

Tudo muito tosco, pouca polícia, bate bocas entre torcedores, portões fechados por segurança no fim de jogo. Felizmente, saímos ilesos.

100 km de volta, tempestade na BR. Futebol é folclore, mas mais do que tudo, paixão.

Anedotas da Bola

O cara tinha dois ingressos para a final da copa do mundo, no melhor camarote do estádio.
Quando ele estava sentado no seu lugar, aguardando o inicio do jogo, um torcedor nota que o lugar ao lado do homem estava vago.
O torcedor pergunta então se o assento está ocupado.
_Não, não está ocupado - responde o homem.
Assombrado, o torcedor diz:
-É incrível! Quem, em seu juízo perfeito, tem um lugar como este, para a final da copa, o evento mais importante do mundo, e não o usa?
O homem fixa o olhar nos olhos do cidadão e responde:
- Bom, na realidade, o lugar é meu. Eu comprei o ingresso faz muito tempo. Minha esposa viria comigo, mas ela faleceu. Este é o primeiro mundial a que não assistiremos juntos, desde que nos casamos, há vinte anos.
Surpreso, o outro diz:
-Mas você não encontrou outra pessoa que pudesse vir no lugar da sua esposa? Um amigo, um vizinho, um parente ou outra pessoa chegada?

O homem nega com a cabeça e responde:
-Não, estão todos no velório dela...

Mais Romário: Frustrando cantor de Forró

O atacante Romário não apareceu em São Januário na manhã desta sexta-feira para participar do coletivo comandado pelo técnico Renato Gaúcho. Por causa de sua fama e de sua idade, o artilheiro tem um programa diferenciado dos companheiros.

Mas a falta do artilheiro frustou várias pessoas que acompanharam a atividade. O mais triste com a ausência de Romário foi o cantor e compositor Irenaldo de Oliveira Silva, 39 anos, mais conhecido como Nadinho.
Ele saiu de Cabo Frio às 3h (de Brasília) para assistir ao treino e entregar um CD (O Sol do Forró) com uma música de sua autoria em homenagem ao atacante, chamada "Rei Mário".
"Já tinham feito funk e pagode em homenagem ao Romário, estava faltando um forró. Mas paciência, terei que voltar outro dia. De qualquer forma, sábado estarei na Feira de São Cristóvão (no Centro Luiz Gonzaga de Tradições Nordestinas) para ver se a música vira um hit", disse Nadinho.

Pai garante que Romário jogará no América em julho


O pai do atacante Romário, seu Edevair, é torcedor fanático do América. Desde o começo da carreira do filho, ele sonha vê-lo com a camisa vermelha. Somente em um amistoso, na despedida do atacante Luisinho, é que o artilheiro jogou pelo time. Porém, seu Edevair garante: o atacante jogará pelo América.


"Ele me prometeu que encerrará a carreira pelo América. Tudo que me prometeu até hoje, ele cumpriu. Em julho, quando o contrato dele com o Vasco terminar, ele vai jogar lá, está praticamente acertado", revelou.
O América ainda não tem compromissos confirmados para o segundo semestre. O time ainda não garantiu vaga na Série C, que depende da classificação no Estadual. Mesmo assim, seu Edevair garante que Romário ficará, pelo menos, seis meses no clube da Rua Campos Sales.
"Se não tiver competições, vamos arrumar uns amistosos. No América, ele vai chegar aos 1030 gols", afirmou.
E não é apenas Romário que alegra seu Edevair por poder vestir a camisa do América. Romarinho, filho do craque, já vestiu a camisa do time e encheu de orgulho o avô. "Ele me emocionou. Jogou com veteranos, fez dois gols e me deu a camisa no fim. Guardo ela com muito carinho até hoje", contou.

Não adianta remendar


Kaká não me deixa louco, diz Messi

O atacante argentino Lionel Messi negou nesta quinta-feira que tenha dito que o brasileiro Kaká, do Milan, "o deixa louco". Em entrevista ao jornal espanhol El Mundo Deportivo, o jogador do Barcelona declarou que foi mal interpretado.

Dei uma entrevista na Itália e me fizeram escolher entre Kaká, Ibrahimovic e Totti. Eu disse que gostava dos três, mas insistiram que eu escolhesse um. Eu apenas disse 'Kaká', mas nunca disse que ele me deixava louco", esclareceu o argentino.

Porém, dias antes no jornal esportivo La Gazzetta dello Sport...

"...Kaká é um jogador que me deixa louco. Fora do Barcelona, ele é meu preferido. Ibrahimovic e Totti também são ótimos..."

Fonte: Terra

Travessuras do Imperador - evento n. 5843


Adriano arruma confusão em boate, diz jornal

O atacante Adriano, da Inter de Milão, voltou a se envolver em mais uma polêmica. De acordo com o jornal italiano Gazzetta dello Sport, o camisa 10 discutiu com o norte-americano Rolando Howell, jogador de basquete da equipe italiana Pallacanestro Varese.

» Relembre: Adriano está envolvido em escândalo
» Relembre: exageros teriam afastado Adriano
» Relembre: Adriano é visto em baile funk
» Relembre: jornal mostra fotos polêmicas de Adriano

De acordo com a Gazzetta, o brasileiro só não chegou as vias de fato com Howell devido a pessoas que separam, das quais entre estas estaria Ronaldo, que estava junto ao ex-rubro-negro.

Após a confusão ocorrida na boate Hollywood, que segundo o jornal italiano é o mais novo ponto de encontro de atletas e jogadores de futebol, Howell disse que o fato não passou de uma mal-entendido.

Vale lembrar que esta não é a primeira vez que o jogador de 25 anos se envolve em confusões. No ano passado, fotos de uma festa em que reuniu muitas mulheres e em que o brasileiro estava fumando foram divulgadas.

Em 2007, ele foi flagrado andando sem capacete em uma moto pelas ruas do Rio de Janeiro. Na festa de seu 25º aniversário, ocorrida em 18 de fevereiro deste ano, em uma boate italiana, o atacante, ex-Flamengo, foi fotografado com uma garrafa de champanhe na boca.

A confusão põe em risco a participação do atacante na Partida contra a Pobreza, jogo benificente que acontece nesta segunda-feira, às 17h, em Marselha.

Fonte: Terra

Histórica, Democracia Corintiana completa 25 anos

Um dos movimentos mais conhecidos do futebol brasileiro completa 25 anos em 2007. Em 1982, jogadores com Wladimir, Biro-Biro, Sócrates, entre outros, criaram a famosa “Democracia Corintiana”, que deu ao Timão os títulos estaduais de 82 e 83 e implantou uma nova forma de comportamento de uma equipe de futebol.

"A gente tinha um almoço no sábado e depois ia para casa. À noite você tomava uma cervejinha, transava com a esposa e no domingo tinha outro almoço com toda a família. Todo mundo ia junto para o jogo e você entrava em campo com tesão. Quando o time fica concentrado os jogadores querem liberdade e sabem que só vão ter depois do jogo", analisou o Dr. Sócrates.

Entre os conceitos da democracia, estava a votação de todos os jogadores e integrantes da comissão técnica sobre os assuntos de interesse coletivo. Em uma das votações, a concentração para os jogos tornou-se opcional.

"Acho que a maior conquista foi mesmo o fim da concentração", opinou o ex-lateral Wladimir, que também fez parte do movimento.

Sócrates reconhece que era uma dos principais articuladores do final da concentração. Ele acredita que, dessa forma, os jogadores davam mais importância ao jogo.

Sócrates concorda que será difícil repetir os movimentos nos dias atuais. "Fui técnico do Cabo Frio e fiz uma votação para o fim da concentração e perdi de 40 a 1. Tinha gente que contava com a refeição na concentração porque muitas vezes não tinham o que comer", lamentou Sócrates.

O movimento da democracia começou a cair em 84, quando Sócrates foi vendido para a Fiorentina, da Itália. Mas deixou saudade no torcedor corintiano.


Fonte: Futebol Interior

Apelando para os amuletos

Lembrei de uma máxima do futebol: "Se macumba ganhasse jogo, o campeonato baiano terminaria empatado!". Vejam essa notícia do futebol espanhol...

Celta pede amuletos para fugir de rebaixamento

A má fase do Celta na atual edição do Campeonato Espanhol obrigou a direção do clube a tomar uma medida, no mínimo, inusitada. A equipe de Vigo pediu aos seus torcedores que levem amuletos para a sede do clube.

"Alho, água benta, um pé de coelho ou mesmo o coelho inteiro. Nos traga o seu amuleto", pede o clube em seu site oficial. Os dirigentes promentem sortear uma viagem para o jogo contra o Recreativo Huelva entre os participantes da promoção.

A oferta, no entanto, é válida apenas para os sócios do Celta, e é valida entre esta segunda-feira e o próximo dia 1º de abril.

O Celta é o atual 17º colocado do Campeonato Espanhol, com 27 pontos, à beira da zona de rebaixamento.


Fonte: Terra

Beckham pau mandado


A empresária Victoria Beckham, 32 anos, quer o marido, o jogador de futebol David Beckham, 31, entre na "dieta da menina". Segundo o tablóide Sunday Mirror, quanto mais ele comer certos alimentos, maior a chance de ele engravidá-la de uma menina.

A dieta inclui muitos vegetais folhosos, legumes, aspargos, alface, carne branca e zero de café e álcool.

"Ela está fascinada pela dieta e gostaria que David a seguisse para aumentar as chances de ela engravidar de uma menina", disse uma pessoa próxima à Victoria.

A ex-Spice Girl quer tanto ter uma filha que, caso a dieta não dê certo, seu plano B é realizar uma tatuagem com o símbolo da fertilização.

"Victoria planeja tatuar o símbolo da fertilização num lugar bem íntimo, que só David consiga ver", afirmou a amiga da artista.

Fonte: Terra

Arte digital e bola

O futebol é apaixonante. De várias óticas. Do esporte, do entrenimento, da arte. Fico satisfeito em saber que a gurizada, mesmo no convivendo com os "games", ainda curte a bola.
Isso tudo pra fazer um pequeno jabá: vejam os banners do garoto Jean Vitor (de apenas 12 anos - foto). Vou recorrer a ele sempre que precisar, afinal é meu sobrinho. :)

Para os aficcionados, podem entrar em contato. É uma chance de ter um wallpaper personalizado com seu time ou ídolo (não necessariamente da bola).



Fifa 'iguala' Romário a Pelé e valida contagem regressiva

O atacante Romário, do Vasco, ganhou um forte aliado na briga pelo milésimo gol na carreira. Neste domingo, a Fifa divulgou em seu Site oficial uma notícia em que, além de destacar os três gols marcados pelo atleta no último sábado diante do Boavista, considera a contagem regressiva do atacante tão legítima quanto a de Pelé.

A entidade lembra que os dois jogadores somam em seus números pessoais gols marcados em amistosos festivos e em jogos contra equipes pouco expressivas.

Como exemplo, a Fifa cita a partida em que Romário, vestindo a camisa do América, enfrentou o time dos 'Amigos de Luisinho'. Em contrapartida, a entidade máxima do futebol considera que Pelé marcou em jogos que atualmente não poderiam ser classificados como oficiais.

De acordo com os dados divulgados por Romário, de 41 anos, faltam dois gols para que o milésimo seja alcançado. Já Pelé tem 1282 gols, alguns marcados enquanto atuava pela seleção do Exército.

Neste ano, o atacante vascaíno anotou 11 vezes, sendo nove pelo Estadual do Rio e dois pela Copa do Brasil. Na próxima quarta-feira, Romário deve começar no banco de reservas na confronto diante do Gama, de Brasília, válido pela competição nacional.

Fonte: UOL Esporte

De graça até ônibus errado?


A escalação da Ponte Preta não foi divulgada como previsto neste sábado à tarde, meia hora antes do confronto contra o São Paulo. O curioso é que não foi mais um tentativa do técnico Nelsinho Baptista de fazer mistério, mas uma confusão no percurso: a delegação do clube se dirigiu para o estádio errado.
Em vez de se dirigir para o Morumbi (Zona Sul da capital paulista), local do jogo, o ônibus do time alvinegro, escoltado pela Polícia Militar, foi para o Pacaembu (Zona Oeste). Ainda não se sabe de quem foi a culpa: da PM ou dos campineiros.
No entanto, os atletas entraram em campo pouco depois dos são-paulinos, sem atrasar a partida.
Fonte: Lancepress

Dieguito Vivaço

Maradona ironiza boato de sua morte

Uma falsa notícia divulgada na Argentina abalou os fãs do ex-jogador Diego Maradona. O boato afirmava que o craque argentino havia sofrido um acidente de carro e morrido. As informações são da agência Ansa.

"Os mortos, salvo raras exceções, não falam", ironizou Maradona. "Estou mais vivo do que nunca", completou o ex-jogador à imprensa local. Apesar das brincadeiras, ele se revoltou com a situação e prometeu tomar providências contra o autor do boato.

"Não se pode sair falando por aí que o Maradona morreu em um acidente de carro. É uma loucura. Não sei se alguém gostaria de me ver morto, mas a quem quer me ver assim esclareço que estou muito vivo", disse o argentino ao jornal Clarin.

"Minha mãe tem 80 anos e poderia morrer se ouvisse essa notícia. Falei com meus advogados e isso não vai ficar assim", finalizou Maradona.

O ex-camisa 10 da seleção argentina já se envolveu em um grave acidente automobilístico, há alguns anos, quando o carro em que estava se chocou contra uma árvore.

Fonte: Terra Esportes

Cantinho do Luxa

O Grupo Gay da Bahia (GGB) elegeu Vanderlei Luxemburgo, atual técnico do Santos, "inimigo dos homossexuais", oferecendo-lhe o troféu Pau de Sebo.

Luxemburgo declarou durante um jogo do Campeonato Paulista do ano passado (derrota por 3 a 1 para o São Paulo) que havia sido "paquerado" pelo juiz Rodrigo Martins Cintra.

"A única coisa que não gostei é que ele apitava e olhava para mim. Fez isso várias vezes. Eu não sou veado. Não sei se ele gosta", disse, na época, o comandante santista.

Fonte: Terra Esportes

Ex-atacante faz "bico" de pedreiro


Marcelo França foi artilheiro do Juventus de Jaraguá do Sul (foto) e hoje vive em Ibirama-SC

Os torcedores do Juventus ainda guardam boas recordações do atacante Marcelo França, que marcou 14 gols em 17 jogos pelo tricolor jaraguaense em 2004. Apesar do jeito desengonçado dentro de campo, Marcelo França possuía rara habilidade, faro de gol e facilidade de finalização.

Nascido no Rio de Janeiro, começou sua carreira no Brasília. Logo chamou a atenção do Gama, indo na seqüência para o Paulista de Jundiaí. Durante alguns anos jogou o Campeonato Paulista pelo tricolor jundiaiense e o Brasileiro pelo Gama, onde sagrou-se Campeão da Série B em 1998.

Em 2001 aportou nos gramados catarinenses, contratado pelo Atlético de Ibirama. Emprestado ao Lages, foi artilheiro do Campeonato Catarinense da Segunda Divisão. Voltou para Ibirama, onde sagrou-se vice-Campeão Catarinense. Em 2003 transferiu-se para o União Timbó, onde novamente foi artilheiro da Segundona, vindo para o Juventus no início de 2004.

Por ironia da bola, o jogador de maior salário no time de 2004 hoje sobrevive fazendo bicos como servente de pedreiro em Ibirama, cidade que escolheu para se radicar. Fica aqui nossa justa homenagem a este grande nome da história recente do tricolor!

Fonte: Bola Rolando

Coleção Grandes Pegadores





Roger não sabe bater pênalti. Isolou uma bola pra fora do Scarpelli. E daí? No seu currículo, além da Galisteu (com quem não quis passar o Reveillon, vc queria?) , Leila e Samara Fellipo, agora tem a Deborah Secco.
Jogadores "boa pinta" se dão bem. No caso do Roger, ainda é famoso e rico, alvo fácil das globais. Sempre é bom saber que o Renato Gaúcho vai deixar um sucessor. O único senão pra mim foi aquele pênalti mesmo... :)

"Você é moleque e safado!"

Luxa abriu a boca de novo, dessa vez para se defender da acusação (citada aqui ontem) de mandar bater nos são-paulinos.

Luxemburgo é fonte de muita inspiração aqui pro Blog. O vídeo abaixo nem é novo, mas o bate boca com o Marcelinho Carioca é engraçado. Se armado ou não, não importa.

Técnico manda bater?


Lendo ontem a matéria que acusa Luxa de mandar bater no adversário, lembrei de uma gravação VHS que tinha do Felipão mandando descer o cacete no time do Corínthians. Pensei em digitalizá-la, mas lembrei de consultar o You Tube antes. Estava lá. Engraçado é que o Felipão não sabe que foi gravado dando palestra sem ser ouvido, e em frente das câmeras, dá uma versão bem mais light....

Ano Letivo


Quem tem criança na família sabe o que é esse começo de ano letivo. Material escolar, novos professores, uma grande expectativa que comece tudo certo.
Rosemiro, destaque no futebol carioca dos anos 70, passou pelo Marcílio Dias quanto veterano. Aliás, passaram por lá nas mesmas condições medalhões como Adilson Heleno, Carlos Alberto Dias, entre outros (jogar no Marcílio depois de velho é folclore!).

Numa entrevista, no início do campeonato catarinense, largou a pérola:

_ Esperamos começar bem esse ano LETIVO!

Linguagem padrão do torcedor

I
Ir ao estádio sempre me traz uma inspiração. Acho que 30% da motivação é ouvir as manifestações dos torcedores (outros 30% a cerveja com espetinho e 40% o jogo em si). E as manifestações são padronizadas. Devem existir uns 100 tipos de xingamentos, que pretendo um dia ainda catalogar.
Digo isso porque ontem, após diversos erros do árbitro contra o meu time, ele deu uma falta a favor. Não tinha como não dar, foi gritante. Procurei a frase mais adequada na minha memória (Frase 075 - Agora tu dá seu fdp!!) , puxei o ar pra gritar, mas um torcedor próximo foi mais rápido no gatilho:
_ Agora tu dá seu filho da puta!
Exatamente igual, nem um foneminha diferente.

II
Árbitros fora de forma são mais folclóricos, aumentam o rol de xingações possíveis. No fim do jogo, em direção ao vestiário da arbitragem e protegido pela polícia, o gordinho não foi perdoado e ouviu de tudo (entre nós, o cara apitou muito mal). Nessas xingações, sempre é bom aprender e aumentar o nosso repertório. Essa eu não conhecia:
_ Ú seu coxinha de boteco !!!

Diego Armando de novo


Maradona se desentende com fotógrafo em boate na Argentina
O ex-jogador de futebol Diego Maradona se meteu em mais uma confusão com a imprensa na noite do último domingo, quando se desentendeu com um fotógrafo em uma boate.
O ex-camisa 10 argentino estava na casa noturna Sunset de Olivos, em Buenos Aires, na companhia de participantes eliminados da quarta edição do Big Brother (reality show) local, quando se irritou com o fotógrafo.
Na confusão, Maradona teria caído no chão, o que olhe rendeu um ferimento na testa --fotos publicadas na imprensa argentina nesta terça comprovam a lesão.

Fonte: Folha On Line

Pipoqueirismo


Torcedores chamam corintianos de "pipoqueiros" em treino

Dez torcedores foram ao treino do Corinthians nesta terça-feira manifestar sua insatisfação com o futebol apresentado pela equipe nesta temporada. Sócios do clube, eles chegaram ao final das atividades e chamaram os jogadores de "pipoqueiros".

Os torcedores cobraram melhores resultados dos jogadores e do técnico Emerson Leão. O Corinthians perdeu por 3 a 0 para o arqui-rival Palmeiras no clássico disputado no último domingo, pelo Campeonato Paulista.

"Bando de pipocas", "se não é no amor, é no terror" e "e aí, Leão, quando vem uma vitória, irmão?" foram alguns dos gritos entoados pelos torcedores.

Leão afirmou, após o treino, que não chegou a notar a manifestação. Porém, para ele, o protesto não muda nada dentro do Corinthians.

"Eu não vi (o protesto). Eu estava saindo e o treino já tinha terminado. Mas isso não muda nada para nós, que sempre vamos buscar fazer o melhor", comentou o treinador.

"Após uma derrota no clássico, vem uma partida difícil (contra o Marília, fora de casa), que pode auxiliar, desde que você se supere e chegue à vitória", acrescentou.

O Corinthians é o nono colocado no Campeonato Estadual, com 16 pontos. A equipe está em situação difícil na tabela de classificação, uma vez que o quarto colocado (que ficaria com a última vaga à segunda fase) soma 21 pontos.

Fonte: Terra Esportes

Washington no estádio da.... da....


Washington (à direita na foto) era um dos cônjuges do casal 20 (Assis à esquerda), que fez a alegria do Flu nos anos 80. Em 1988 veio entregar as faixas pro Avaí no ainda novo estádio da Ressacada.
Entrevistado pelo repórter da TV local, foi dando as repostas protocolares:
_ O Avaí é uma grande equipe, esperamos fazer um bom jogo aqui no estádio da... da...
Como não sabia o nome do estádio, visivelmente foi pegar um sopro de um transeunte atrás das câmeras, e completou:
_ Ressicada!!

O jogo não passou de um peladão de 0x0 e Washington mal tocou na bola.

Raul Plassmann




Raul Plassmann, grande figura do futebol brasileiro, comenta hoje o catarinão.

Depois de uma brilhante carreira de mais de dez anos no Cruzeiro — onde chegou a ganhar, inclusive, a Libertadores de 1976 —, o goleiro Raul Plassmann mudou-se, já veterano, para o Flamengo. Lá, continuou ganhando tudo o que se pode imaginar, do Campeonato Carioca ao Mundial de Clubes, em 1981. A passagem de Raul pelo Rubro-Negro, no entanto, também foi marcada por um carrasco, chamado Assis.


Benedito de Assis da Silva era um meia-atacante de recursos limitados, que já havia passado sem muito sucesso pelo São Paulo e pelo Inter. Mas no Colorado gaúcho Assis encontrou sua cara-metade futebolística, o centroavante Washington, com quem formaria, já no Atlético-PR, uma dupla infernal, apelidada de “Casal 20”, em referência a um seriado de TV de muito sucesso na época. Transferidos para o Flu, Washington e Assis conquistaram, juntos, o Brasileiro de 1984 e o tri carioca de 1983/84/85.

O caminho para o primeiro desses três títulos estaduais seguidos foi aberto com um gol de Assis em cima do rubro-negro Raul, aos 45 minutos do segundo tempo, na vitória tricolor por 1 a 0. No ano seguinte, novamente um Fla-Flu decisivo, e outro gol de Assis em cima de Raul, dessa vez aos 30 do segundo tempo, deu a vitória — e o bicampeonato — ao Fluminense.

Por causa disso, o goleiro Raul nunca mais conseguiu sossego. Teve que agüentar, inclusive, a gozação de um vizinho do apartamento em frente, que era tricolor roxo. Sempre que os dois se encontravam no corredor do prédio, o “torturador” — como o próprio goleiro se refere ao rapaz — não fazia por menos. Colocando o dedo embaixo do nariz, fingia estar resfriado e “espirrava”, só para provocar, repetindo:

— Assissss, assisssss, assisssss...

Fonte: Yahoo Esportes

Gastronomia da bola


Torcedor de futebol não come Açaí. Vai ao estádio atrás de espetinhos de gato, chouripans, cachorros quentes e outras maravilhas dos nutricionistas. Uma vez fiz uma cirurgia que me impediu de ingerir sólidos e bebidas alcóolicas. Mesmo assim fui ao estádio. Quando vi um torcedor com um espetinho e uma cerveja na mão uma lágrima rolou do meu olho.
Tudo isso pra contar a estória da última semana, na barraquinha de churrasquinho do bar da Ressacada. Aquela fumaceira e a velhinha sendo assediada por todos atrás de um espetinho:
_ Tia, um espetinho!
_ O Tia, mais um!
Outro, em tom sarcástico:
_ Ô tia, me vê mais um desse filé mignon aí.
Ela, de mau humor:
- É filé mignon sim!! Aposto que na tua casa nunca comesse carne melhor que essa!
Ela continuou brava e ele pegou o espetinho e saiu rindo, pelo menos até a hora que o seu time foi eliminado....

A raiva do torcedor inimigo

Recebi essa de meu amigo Willian Savi. A dúvida é a razão pela qual o tal "desenho" foi feito: seria um torcedor adversário ou um pura bandidagem? De qualquer forma, vale sempre perguntar o time do tatuado. Por razões óbvias esse post vem sem nenhuma ilustração.

Jovem pede escudo de time, mas pênis é tatuado

A tatuagem de um jovem torcedor do Boca Juniors virou caso de polícia na cidade de Concepción del Uruguay, na Argentina. O menor saiu para gravar o escudo da equipe de futebol, mas o tatuador desenhou em suas costas um pênis e dois testículos.

O jovem contou que o tatuador não tinha um espelho, por isso só constatou o erro quando chegou em casa e mostrou o desenho para seus parentes, informa o Terra Argentina.

"O local onde o jovem foi é uma residência de gente que não se dedica à atividade da tatuagem, e definitivamente não é gente de bem", disse uma fonte da polícia. De acordo com as autoridades, o desenho foi realizado com instrumentos rudimentares, como os utilizados em presídios.

Indignado, o jovem fez uma denúncia à polícia da cidade e entrou com uma ação judicial contra o tatuador. A Justiça já confiscou equipamentos de tatuagem na casa indicada pelo jovem.

Terra Argentina

valeu Wil!

Animal sem carro


Justiça do Rio suspende carteira de habilitação de Edmundo

O atleta foi punido por dirigir embriagado e provocar um acidente de carro em 2005

SÃO PAULO - A juíza Adriana Castanho de Carvalho, da 26ª Vara Criminal do Rio, determinou nesta quarta-feira a suspensão da carteira de habilitação do atacante Edmundo, do Palmeiras. A decisão decorre do acidente em que o atleta se envolveu em julho de 2005, no Jardim Botânico, na zona sul do Rio. Na oportunidade, foi denunciado por dirigir alcoolizado. O jogador tem prazo até à tarde de quinta para entregar sua carteira à Justiça.

No dia do acidente, Edmundo estava em sua BMW e colidiu com o veículo do oficial de Justiça Alessandro Renato. O jogador tentou fugir, mas foi interceptado pela polícia. Uma das pessoas em companhia do oficial, a consultora de vendas Fernanda de Almeida, sofreu pequenos ferimentos e recebeu atendimento no Hospital Miguel Couto, na Lagoa Rodrigo de Freitas.

O Ministério Público denunciou o jogador por dirigir sob a influência do álcool e ainda por desacato a funcionário público no exercício da função, e requereu a suspensão da habilitação do atacante. Os advogados de Edmundo chegaram a pedir a suspensão do processo, o que foi negado pela juíza. Segundo ela, o atleta não preenche os requisitos para a concessão do benefício. Quanto ao pedido de suspensão da habilitação, pesou na decisão um laudo assinado por três peritos que atesta o estado de embriaguez do atacante, o que foi confirmado por meio de exame toxicológico.

“O acusado já sofreu condenação criminal em delito de trânsito do qual resultou morte, em duas instâncias, embora ainda não haja trânsito em julgado. Entendo, portanto, que nesse caso, a medida de suspensão de sua habilitação se torna imprescindível, vez que, apesar de ostentar contra si processo de tamanha gravidade e tão lesivas conseqüências, com a perda de vidas humanas, não se inibiu o réu de, em tese, voltar a dirigir em estado que lhe propiciaria ceifar novas vidas”, explicou Carvalho.

A juíza marcou audiência para 12 de março, quando serão ouvidas as testemunhas de acusação do jogador. Em 1995, Edmundo foi protagonista de um outro acidente de trânsito, na Lagoa Rodigo de Freitas. Na ocasião, três pessoas morreram. Ele foi condenado a quatro anos e seis meses de prisão pela Justiça do Rio, mas ainda recorre da sentença em Brasília.

Fonte: Estadão